Anúncio

Mais um tesouro de 1400 anos descoberto em Israel – Nove moedas de bronze do fim do período bizantino foram descobertas em escavações de resgate durante as obras de ampliação da Auto-estrada 1, a principal do país, foi o que anunciou hoje a Autoridade de Antiguidades do Estado de Israel.

As escavações que são financiadas pela empresa de Estradas em Israel em junho passado perto de Ein Hemed,expôs uma grande estrutura dois andares século VII EC, juntamente com um complexo de lagar de produção de vinho.

Fotos: Jully Schwartz, a Autoridade de Antiguidades de Israel

De acordo com Annette Landes-Naggar, directora da escavação, em nome da Autoridade de Antiguidades de Israel “, o tesouro foi ao lado, no colapso de grandes pedras. Parece que quando houve perigo ele foi colocado em uma bolsa em um nicho escondido em uma parede, esperando para que o dono voltasse para pegá-lo, mas agora sabemos que isto não foi bem-sucedido “.

As moedas contém as imagens de três importantes imperadores bizantinos: Justiniano, Maurice e Focas, os quais viveram e governaram entre o V século e o século VII EC. As moedas foram cunhadas em três centros diferentes, todas na área onde hoje é moderna Turquia, antigamente era Grécia: Constantinopla, Antioquia e Nikomodih.

De acordo com Landes-Naggar, “O tesouro atesta o final do local, o contexto histórico está relacionado aparentemente com a invasão Sassanido o persa em 614 EC. Esta invasão foi um dos fatores que terminou o reinado dos imperadores bizantinos em Israel”.

Temendo a invasão, os moradores que sentiram o perigo do que ocorre com eles esconderam seu dinheiro na parede com a esperança de voltar para casa no final das interferências, o que não aconteceu. O local foi abandonado e destruído, e posteriormente enterrado pelas tempestades de areia e barro e acabou por estar incorporada nos terraços típicos da região.

A estrutura e o lagar do vinho ao lado pertencem a uma construção ainda maior que se estende ao longo da Rota 1, e que o as escavações revelaram há um ano atrás uma igreja bizantina. Uma investigação no local levantou a hipótese de que o assentamento era chamado de Ein Bikamkabh, cujo nome é preservado no nome da aldeia árabe vizinha, Beit Nekuba. Este site está localizado ao lado da estrada principal da costa para Jerusalém, que serviu de rota principal de peregrinos cristãos a Jerusalém e os assentamentos se desenvolveram ao longo da estrada e das estações.

De acordo com Dr. Amit Shadman, um arqueólogo da Judéia da Autoridade de Antiguidades de Israel, a Israel Pipeline Company irá trabalhar em conjunto para preparar o local, afim de preservação-lo como um marco na paisagem ao lado da Auto-estrada 1.

Fonte: Autoridade de Antiguidades de Israel

0 151

Miguel Nicolaevsky

Pesquisador bíblico, escritor, fotógrafo e empresário. Vivendo a mais de 20 anos em Israel de onde dirije o portal de notícias Cafetorah.com. Palestrante em Geografia Bíblia, Exegese do Hebraico e Aramaico Bíblico, Tradutor Simultâneo e Conferencista, tudo por ELE, através dELE e dedicado para ELE.

Anúncio