A Autoridade Palestina e os salários de terroristas

Top Banner eTeacher

Os salários autos para terroristas palestinos são uma vergonha. A Autoridade Palestina é uma organização terrorista vergonhosa. O Salário médio na "Palestina" não passa de 1000 shekels, mais de cinco vezes menor que em Israel. Mas os terroristas gozam de salários astronômicos perto do seu povo. O incentivo ao terrorismo é uma máquina de morte que transforma pessoas revoltadas com o sistema em máquinas de morte e ódio desenfreado. Os palestinos pensam, para que trabalhar e ganhar tão pouco se posso matar o judeu ou muitos judeus e ficar rico para o resto da vida?

Segundo as informações divulgadas pelo serviço de segurança de Israel, segue abaixo os valores que recebem os assassinos palestinos. E lembre-se, este dinheiro vem em parte de países europeus e da América latina, inclusive o Brasil, sem saber, financiam a morte de judeus e a política anti-semita e nazista dos palestinos.

Tabela de salários de terroristas

Prisão de 2 a 5 anos 2.000 shekels mensal, mais que o dobro de um trabalhador palestino honesto. Os principais envolvidos em atos terroristas mas que não assassinaram ninguém
Prisão de 20 a 35 anos de prisão 10.000 mensal shekels pelo resto da vida - Foram condenados por assassinarem judeus em atentados graves. Mais de 10 vez o salário mínimo do trabalhador palestino comum e honesto.
Terrorista casado 300 shekels mensal de bônus a mais
Terrorista com filhos 50 shekels mensal de bônus por cada filho
Terrorista de Jerusalém 300 shekels mensal a mais de bônus
Terrorista árabe israelense 500 shekels mensal a mais de bônus

Se esta vergonha continuar nuca haverá paz entre israelenses os palestinos, os palestinos continuarão tentando esfaquear e assassinar a sangue frio os judeus e os israelenses não vão ficar de braços cruzados esperando a morte.

Ainda, segundo o Ministério da Defesa de Israel, somente em 2017, o orçamento palestinos para os terroristas em prisões de Israel alcançou mais de 1 bilhão e 200 mil shekels, algo em torno de 1,2 bilhões de reais. Enquanto isso, os palestinos continua pedindo "ajuda humanitária" que vai direto para o boldo de terroristas e sua famílias.

Fonte: Ministério de Defesa de Israel - Foto: Pixabay

 

 

eTeacher Banner Central
1 responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *