Arqueologia Biblica Sobre o rio Jordão

Top Banner eTeacher
O rio Jordão e o Vale do Jordão são o berço da civilização mundial e está localizado no centro da Terra Santa, entre as Montanhas de Gileade, A Judeia e a Samaria, segundo os arqueólogos, as primeiras cidades do mundo civilizado surgiram em suas margens, provavelmente por causa de sua fertilidade e aparente estabilidade climática no passado, mesmo sendo uma região rica em atividades sismológicas e sujeitas a terremotos constantes, isto não impediu o desenvolvimento dos primeiros vilarejos no final da pré-história.

Alguns sítios arqueológicos as margens do Jordão são considerados os primeiros assentamentos em todo mundo, e entre eles está em destaque a cidade de Jericó com cerca de 11.000 anos ou seja, cerca de 9.000 anos AC.

Jericó

O primeiro assentamento foi construído próximo o Ein(Riacho) as-Sultan, entre 9000 e 7000 A.C.por um povo desconhecido, e consistiu de um certo número de muros, um santuário e uma torre de sete metros de altura com uma escadaria interna. Após alguns séculos, o local foi abandonado e foi construído um segundo assentamento, estabelecido em 6800 A.C, talvez pela invasão de um povo que absorveu os habitantes originais para sua cultura dominante. Artefatos datados desse período incluem dez crânios, engessados e pintados como para reconstituir as feitos individuais. Isso representa o primeiro exemplo de retrato na Arte Histórica, estes crânios foram preservados em casas populares enquanto os corpos ficaram apodrecendo. Este foi seguido por uma sucessão de assentamentos de 4500 A.C. adiante, o maior destes foi construído em 2600 A.C.

O Gilgal

Ás margens do Jordão ainda estão outras importantes localidades, entre elas a região de Adão, ou Adam em Hebraico, local da antiga passagem de travessia do Jordão e cercada de diversos assentamentos. Ás margens do Jordão o Povo de Israel acampou ao entrar na Terra da Promessa afim de conquistá-la, e ao londo de suas margens surgiram também os primeiros assentamentos e acampamentos israelitas registrados na história, no relato bíblico e confirmados pela a Pesquisa Arqueológica do Professor Adam Zertal.

Gilgal Argaman é um sítio cerimonial Iron-idade, que foi recentemente escavado no vale do Jordão, perto de Moshav Argaman. É provável que este site foi construído pelos israelitas, liderados por Josué, e foi o seu primeiro acampamento depois de atravessar o Jordão.

O sítio está localizado em uma área a sudoeste de Argaman, que pode ser alcançado a partir da estrada n º 90 junção ("Zippora" restaurante). Você pode dirigir próximo ao local através de uma estrada asfaltada até o sopé perto do local. Então, quer caminhar 300m para o site, ou dirigir-se a estrada de terra.

Professor Adam Zertal (Univ. de Haifa) é um arqueólogo de renome que incidiu sobre os primeiros períodos do período israelita. Ele descobriu o local de um altar no Monte Ebal, um site Idade do Ferro que ele atribui a Josué. Descobertas surpreendentes de Adão Zertal no site e pesquisas de escavação em Samaria foram publicadas em seu livro "Uma nação nascida-O altar no Monte Ebal e as origens de Israel" (2000).

Em seu livro, Adam descreveu a noção de Gilgal - uma palavra que aparece 38 vezes na Bíblia. O Gilgal, na Bíblia, não é um local específico, mas sim um nome comum para um acampamento e local religioso. O Gilgal aparece em vários locais da Terra Santa, eo local onde os israelitas acamparam em primeiro lugar depois de atravessar o Jordão é chamada Gilgal, Jericó (Josué 4 19): "E o povo subiu do Jordão no décimo dia do primeiro mês, e acampou em Gilgal, na fronteira leste de Jericó ". Em seu livro, Adam afirma que a busca por este Gilgal, o primeiro lugar após a travessia, é um dos enigmas importantes que as pesquisas bíblicas têm vindo a tentar resolver.

As Pegadas dos Israelitas no Vale do Jordão

A peregrinação dos israelitas para a terra de Canaã recebe um novo significado nos dias de hoje, com uma interessante descoberta arqueológica: a equipe de pesquisadores da Universidade de Haifa revelou a prova até agora, da mais antiga presença de Israel na Terra de Israel, usando descobertas realizadas no vale do Jordão que formavam uma grande pegada. A forma dos acampamentos dos israelitas construíram a "ferramenta" pela qual conquistaram e colonizaram a indicam a idéia da possesão da terra.

Os acampamentos israelitas em forma de gigantescas pegadas foram encontradas no vale do Jordão são os primeiros locais construídos pelo povo de Israel com sua entrada em Canaã, e que atestam a noção bíblica de propriedade de terras por pegadas, "todo o lugar que pisar a palma dos seus pés", disse o arqueólogo e Professor Adam (Adão) Zertal Universidade de Haifa, que liderou a equipe de escavação.

Ao datar a cerâmica encontrada nos acampamentos, uma vez que essa cultura só era conhecida até agora no território de Jerusalém(Sião) na Bíblia e adoração em em outra parte, a hipótese convencional é que os seus atos de Israel, apesar do momento em que os acampamentos foram construídos, os investigadores determinaram que eram semelhantes ao do templo de Jerusalém em sua forma.

Leia mais sobre Arqueologia Bíblica no Vale do Jordão.

Banner Camisetas Cafetorah
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *