Atentado Na Entrada da Gruta de Macpela em Hebrom

Curso Herança Judaica do Novo Testamento

Hoje, no final da tarde, um jovem palestino com pouco mais de 20 anos se aproximou dos soldados de Israel que guardam a entrada principal para o judeus e começou a esfaquear um deles, no total foram nove facadas.

Segundo os meios de comunicação e as imagens das câmeras de segurança, um dos outros soldados percebendo o ocorrido atirou neutralizando o palestino, que mais tarde não resistiu aos ferimentos e morreu.

O jovem israelense quye levou as facadas foi ferido na barriga, nas costas e nos pescoço, mas felizmente, está foara de perigo.

Felizmente as câmeras captaram todas as cenas do atentado deixando claro de que o soldado foi claramente atacado e perdeu a reação por causa dos ferimentos, se o outro soldado não estivesse atento, com certeza o jovem israelense morreria no incidente.

Os palestinos ainda não aprenderam a lição da paz, este é o segundo atentado em duas semanas, duas semanas atrás uma jovem foi atropelada por um árabe em Jerusalém, felizmente, hoje, ela voltou a consiência após duas semanas inconsiente por causa dos ferimentos graves.

A gruta de Macpelah em Hebrom é o segundo local mais sagrado para o Povo de Israel e ele é visitado por judeus e local de oração por mais de 2000 anos.

A Gruta de Macpela

A Caverna dos Patriarcas ou a Gruta de Macpela (em hebraico: מערת המכפלה, Me'arat HaMachpela, Trans. "Caverna do casal Túmulos", em árabe: Al المغارة Magharah, "A Caverna") é uma série de cavernas subterrâneas localizadas em um complexo chamado pelos muçulmanos à Mesquita de Ibrahimi ou Santuário de Abraão (Em árabe: الحرم الإبراهيمي, Al-Haram Al-Ibrahimi (help info)). O nome é seja uma referência para o layout da câmara de sepultamento, ou alternativamente refere-se aos casais bíblicos, ou seja: caverna dos túmulos dos casais.

O complexo, localizado na antiga cidade de Hebron, é o segundo local mais sagrado para os judeus (após o Monte do Templo, em Jerusalém) e também é venerado pelos cristãos e muçulmanos, todos eles com algumas tradições que afirmam que o local é o lugar do enterro de quatro Bíblica Casais: Adão e Eva; Abraão e Sara; Isaque e Rebeca, Jacob e Leah, apesar de alguns cristãos afirmaram que Adam está enterrado no Gólgota.

Segundo o Midrash e outras fontes, a Caverna dos Patriarcas também contém a cabeça do Esaú, e de acordo com algumas fontes islâmicas, é também o túmulo de Joseph. Embora a Bíblia tem Joseph enterrado em Siquém (o dia atual Cidade palestina de Nablus), aggadic tradição judaica conservou a idéia que ele desejava ser enterrado em Hebron, ea versão islâmica pode refletir isso. O livro apócrifo judaico Os Testamentos dos Doze Patriarcas, também afirma que este é o lugar do enterro de Jacob's Twelve filhos.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *