Atentado terrorista, jovem palestino de 16 anos esfaqueou israelense de 40 anos

Top Banner eTeacher

Atentado terrorista de facada - O terrorismo palestinos volta a atacar, depois o Mundo se perguntará por que as biscas de segurança são tão severas com palestinos, nesta manhã na Judéia ocorreu mais um atentado, jovem palestino de apenas 16 anos esfaqueou israelense de 40 anos, pai de família, ele estava em coma e acabou não resistindo aos ferimentos.

O terrorista foi baleado mas está fora de perigo, o israelense está em coma e estão lutando para salvar a vida dele. O local do atentado é um centro comercial na região de Gush Etzion, onde judeus e palestinos fazem compras.

O atentado está ocorrendo nas vésperas de um dos feriados mais importantes do Povo de Israel, o Yom Kippur, o Dia do Perdão ou Dia da Expiação.

É triste ver que estes árabes buscam atingir os filhos de Israel justamente durante as principais festas judaicas.

Este jovem palestino deverá passar o resto de sua vida na cadeia as custas do pagador de impostos israelense. A Autoridade Palestina provavelmente vai aplaudir o ato de violência e o Mundo se calar diante de tamanha crueldade.

Atentado terrorista antes do Dia do Perdão

Médicos e paramédicos MADA(Magen David Adom) e de resgate foram chamados para um incidente que ocorreu pouco antes do meio dia, na junção Gush Etzion.

As forças deram assistência médica a um homem de 40 anos que foi esfaqueado e ferido gravemente. O terrorista, um morador de 17 anos de Yatta, foi baleado e neutralizado pela própria vítima.

Um dos paramédicos declarou: "Eu estava fazendo compras no shopping quando ouvi gritos e tiros perto da entrada. Corri imediatamente para o local e vi um homem de cerca de 40 anos inconsciente com facadas na parte superior do corpo.

Dei-lhe cuidados primários de saúde para salvar sua vida, incluindo bloqueio do sangramento. Junto com equipes do MADA e um médico da IDF que chegou ao local, continuamos tratamento médico e está enfrentando uma situação difícil e instável para o hospital. " Infelizmente ele não resistiu e acabou morrendo.

Rafael paramédico estrondo e unidade de resgate unidade de consolidação de assistência psicológica de resgate disse: "Junto com resgate de unidade de motocicleta outros paramédicos da União de Socorro e equipes médicas do IDF e MADA nós fornecemos os cuidados primários para o homem ferido gravemente, ele esfaqueado no torso e duas mulheres que estavam no local ficaram traumatizadas."

Banner Camisetas Cafetorah