Descoberta de Abel Beth Maaca revelou como era face de um Hebreu ou um semítico da era bíblica

Top Banner eTeacher

Ontem publicamos a incrível descoberta de um pequeno busto nas ruínas bíblica de Abel Beth Maaca, uma cidade bíblica que aparece em diversos relatos. Os arqueólogos estão cogitando ser do Rei Acabe ou dos reis de Damasco ou Sidon, mas a possibilidade de ser dos outros reis é mínima. Segundo os arqueólogos, figuras de pessoas comuns é algo bastante raro. Olhe para a figura abaixo e leia nossas conclusões sobre sua análise, há muito que podemos aprender com ela:

Descoberta revela muito mais do que aparenta

Em primeiro lugar esta descoberta lança luz em algo muito incomum. Se realmente a datação está correta, o Século IX AC, ela nos revela alguns fato muito curiosos, segue a lista adiante:

  • A descoberta demonstra que apesar da proibição de fazerem esculturas, vemos aqui mais uma deles, e o mais incrível, desta vez não é um deus, mas uma pessoa
  • Esta é a primeira vez que uma descoberta revelou como era face de um Hebreu ou uma outra pessoa semítica que vivia na região durante a era bíblica
  • Ainda que não seja um Hebreu(é bem mais provável que seja), esta pequena escultura não tem o estilo de escultura dos deuses que eram esculpidos, seu estilo é realistico
  • Julgando pelo tamanho da escultura, apenas 5 cm, a habilidade do artista era muito grande e ele detalhou para nós algumas coisas muito interessantes que podemos entender aqui e víamos somente nos livros de história.
  • O indivíduo esculpido era claramente um semita bem como os Hebreus.
  • Ele não era negro como alguns revisionistas sugerem que os Hebreus era.
  • Ele usava barba exatamente conforme estava descrito na Bíblia que era o costume dos judeus
  • Ele tinha o cabelo longo e aparentemente liso ou pouco ondulado
  • Ele usava uma coroa ou uma tiara afim de manter seu cabelo preso e direcionado para trás, provavelmente para mante-lo livre durante a batalha, corrida ou fuga
  • Seus olhos era amendoados e com uma sobrancelha muito bem definida
  • Os lábios não parecem ser tão grossos como o dos povos do sul, se parece mais com os dos povos do Norte, nós sabemos que a família de Abraão veio pelo norte do país
  • O material da escultura é chamado de faience, uma mistura de minerais que utilizando o calor intenso se transforma em uma espécie de vidro da antiguidade, era muito difundido no Egito e o oriente próximo
  • A pintura dos detalhes, segundo os arqueólogos, foi feita de cobre, ela está bem mais escura e esverdeada por causa da oxidação, mas quando foi feita era para ser marrom avermelhado, talvez indicando a cor do cabelo do individuo
  • O estilo do cabelo preso para trás é mais típico da região do Egito e não do crescente fértil, sabemos que o Povo de Israel viveu por cerca de 300 anos no Egito e adquiriu muito de seus costumes, além disso os governantes de Israel preferiam fazer aliança com os egípcios aos povos do oriente próximo.

Outro detalhe importante é o fato da escultura ter sido encontrada entre os destroços de uma destruição ocorrida durante o período israelita, provavelmente durante um ataque de um dos povos inimigos de Israel ou vice versa.

Banner Camisetas Cafetorah