Escavações revelam sepulcros no Campo de Sangue em Jerusalém

Campo de Sangue e Cidade dos Mortos - Após a última temporada de arqueologia, a Autoridade de Antiguidades de Israel publicou um amplo relatório dos resultados das escavações que foram realizadas onde era Halkat Dama, mais conhecido como o Campo de Sangue, local onde segundo a tradição, Judas Iscariotes se pendurou após ter traído Jesus.

No local foram encontradas diversas câmaras sepulcrais que datam do primeiro século, algumas contendo locais para colocação dos corpos e também sarcófagos para coletarem os passos após o primeiro ano da morte.

Ainda, segundo as descrições, os túmulos são típicos do primeiro século, contemporâneos das descrições do Novo Testamento, o que nos dá uma nosso de como eram os sepulcros naqueles dias.

Infelizmente os sepulcros descobertos estavam revirados, provavelmente foram alvo de roubo de antiguidades, muito comuns no final do primeiro século, mas quando se deu o incidente é impossível determinar. Por causa dos roubos, os arqueólogos não encontraram nenhum artefato importante.

Halkat Dama ou Campo de Sangue está localizado no Vale de Ben Himon, conhecido também como Gei Ben Hinom, o vale onde anteriormente os cananeus costumavam sacrificar seus filhos ao deus Moleque, oferecendo-os em um forno aceso. Posteriormente o local passou a ser depósito de lixo, onde o mesmo era queimado pelos moradores de Jerusalém. Durante o período do primeiro século havia no Gei Ben Hinom uma necrópole, ou seja, uma cidade dos mortos, as câmaras encontradas nas últimas escavações fazem parte do complexo da necrópole de Jerusalém.

eTeacher Banner Central
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *