Domo da Rocha no Monte do Templo em Jerusalém

EUA apoia decisão de Israel: Tolerância zero com terrorismo

Pela primeira vez uma nota da Casa Branca deixou claro uma posição absolutamente a favor da decisão de Israel de fechar temporariamente o Monte do Templo até que a segurança do local esteja garantida pela segurança de Israel.

A Casa Branca emitiu uma declaração neste sábado, 15 de Julho de 2017, condenando fortemente o ataque terrorista de sexta-feira em Jerusalém e apoiando a decisão do governo israelense de fechar temporariamente o acesso ao Monte do Templo.

“Ontem, a Cidade Santa de Jerusalém, que significa “Cidade da Paz”, tornou-se uma cena de terror”, revelou o comunicado da Casa Branca. “O povo dos Estados Unidos está com o coração partido de que terroristas atacaram brutalmente dois policiais israelenses, e estendemos nossas orações e simpatias às famílias das vítimas. Os Estados Unidos condenam veementemente o ataque terrorista”.
A declaração também disse que “deve haver tolerância zero para o terrorismo. O Terrorismo é incompatível com a paz e devemos condená-lo nos termos mais fortes, vencê-lo e erradicá-lo”.

Em relação à situação sensível no Monte do Templo, o comunicado disse que “o ataque forçou o governo de Israel a fechar temporariamente o Monte do Templo conhecido pelos árabes como Haram al Sharif para conduzir melhor suas investigação. Israel assegurou ao Mundo que não tem intenção de alterar o status deste local sagrado, uma decisão que os Estados Unidos aplaudem e congratula-se. Exortamos a todos os líderes e pessoas de boa fé a entenderem que esse processo prossegue e chegará à uma conclusão correta.

6 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *