Fala como cristão mas age como Satã – Barack Obama

Mais uma vez o Presidente dos Estados Unidos que tanto fala que seu país apoia o Estado de Israel sem condições, está articulando contra os judeus e contra Israel uma decisão anti-semita típica que visa obrigar os judeus a pararem de se expandir na Judéia e Samaria e a permitir os árabes palestinos de expandirem, sem se quer exigir deles rejeitar o terrorismo e a incitação a violência contra o Povo de Israel.

Após o Governo do Estado de Israel e seus diplomatas terem pedido uma intervenção para o presidente eleito, Dolnald Trump no caso da votação que os palestinos estão levando ao conselho da ONU com apoio americano, o Egito que tinha oficialmente apresentado a proposta de condenação de Israel acabou retirando-a sob pressão de TRUMP.

Horas depois do incidente, mais quatro países orquestrados pelo presidente americano, Barack Obama apresentaram a mesma proposta do Egito, a votação será às 22:00 hs de Israel e ao que tudo indica, se nada mudar, mais uma vez a ONU tomará uma decisão anti-semita e anti-Israel que poderá levar o Mundo inteiro a sérios problemas devido as maldições que isso implica sobre as nações.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *