A indústria da doação, sinais da apostasia

,

A indústria da doação - É impressionante perceber que a indústria da doação é a que mais lucra no Mundo, com custo praticamente zero, falência é algo que nem se leva em conta, mas nossa esperança é que estejamos errados. Neste aspecto parece que Israel e Brasil têm muito em comum, mesmo sendo esta indústria controlada por setores completamente diferentes, as causas, os efeitos e as sequelas são praticamente as mesma.

Gostaria de em primeiro lugar deixar bem claro que não sou contra doações, ao contrário, sou um doador desde que alcancei e emancipação espiritual ao ter um encontro pessoal com meu Criador. Aprendi que devemos ser participantes, cooperadores, doadores e servos que o servem de todo coração. Quem me conhece pessoalmente sabe como tenho resistência em receber doações pessoais, já quase perdi amigos por isso.

O motivo pelo qual estou escrevendo este artigo é um alerta para aqueles que já doaram, desejam doar ou estão doando neste momento, e um sinal vermelho para aqueles que se beneficiam das doações, sejam de forma direta ou indireta.

Todos nós estamos cientes das fortunas que foram arrastadas para os cofres da igreja durante a era medieval, quantidades incalculáveis de ouro que cobriram seus artefatos e paredes e mantiveram por séculos o vaticano como a cidade estado mais rico do planeta. Atenção, antes de se revoltar não pense ser este artigo um protesto contra a igreja católica, pois apesar do que escrevi, não é muito diferente o que ocorreu também na igreja evangélica nas últimas décadas, mas com uma diferença, ao invés de encher os cofres das igrejas e revestir suas paredes de ouro, encheram os bolsos dos seus líderes e decoraram suas casas mais luxuosas do que os barões do petróleo.

Infelizmente a mesma enfermidade se abateu sobre a comunidade ultra ortodoxa em Israel que aprenderam a receber grandes doações desde a antiguidade após a destruição do II Templo em Jerusalém. É conhecido até mesmo pelos historiadores como a solidariedade judaica, o sentimento de unidade e família que leva todo judeu no Mundo inteiro a participar do apoio e re-construção do Povo de Israel, ou do Estado de Israel.

Quem não se lembra das caixinhas de doação do KKL, o fundo judaico para replantio da Terra de Israel? Pois bem, at[e mesmo nossa equipe já incentivou pessoas a doarem plantando árvores em Israel. Até agora nada de errado aparentemente, mas o problema será exposto logo a seguir.

Nas últimas décadas, quase que em um paralelo em que as comunidades evangélicas pentecostais aumentaram o volume de apelos para doações em troca de cura, libertação, prosperidade, etc, e etc, um fenômeno semelhante aconteceu no Estado de Israel nas comunidades ultra-ortodoxas, para entender isso basta uma viagem a região dos bairros de Geula e Mea Shearim em Jerusalém, ou a cidade religiosa de Bnei Barak na região central de Israel, na região metropolitana de Tel Aviv e se deparar com uma imensa quantidade de caixas para doações com slogans prometendo mundos e fundos.

A Raiz do Problema

Creio que a raiz do problema são as promessas que nenhuma organização, seja cristã, judaica ou muçulmana possa cumprir, se eles prometessem coisas materiais como a construção de algum edifício, viaduto, seminário, universidade, curso ou etc. Creio que seria bem mais justo, pois caso não cumprissem, estariam sujeitos as críticas, sanções e até mesmo as penalidades da lei de acordo com o caso. O problema é que todos sem exceção prometem coisas como justiça, cura, sustento, prosperidade, vida eterna, vida eterna para os parentes e alista é sem fim, todas estas coisas que tocam no antro espiritual só poderão ser julgadas mesmo na eternidade, o que leva a qualquer forma de crítica ou fiscalização a se tornar algo inviável ou ilegítimo. Porém existem algumas coisas que podemos fazer, quanto a mim, creio que este artigo poderá ajudar aos inocentes a tomarem cuidado, e aos não inocentes, a pensarem antes de correrem pedindo doações.

O melhor dos exemplos que podemos ver em todas estas fotos de caixas de doações é a caixa de doação a seguir que está endereçada a uma instituição conhecida em Israel como Yad Le'Achimh cujo slogan é: Pedion Shvuim, a tradução literal do Hebraico seria, "recuperação de cativos" mas na prática o que o grupo faz é uma missão de lavar o cérebro dos não religiosos, levando-os a se converter ao judaísmo ultra-ortodoxo e aos que eles chamam de blasfemos, como os judeus messiânicos ou cristãos em Israel, eles tornam suas vidas um verdadeiro inferno na Terra. Só para ter uma idéia, aquele terrorista judeus que enviou uma bomba que explodiu nas mãos de um adolescente judeus messiânico, Yaakov Teitel era um membro zeloso desta seita cujas atitudes fazem-no lembrar as de Saulo de Tarso antes de se encontrar com Yeshua no caminho de Damasco.

Da mesma forma que a caixa a seguir promete algo que jamais poderá ser fiscalizado ou questionado, nela está escrito, "Doem e vejam salvações", e a pergunta que se faz é, salvação do que, de quem e quando? Mas quem realmente se importa com isso visto que o sentimento da necessidade de doar é algo que este povo é criado desde a mais tenra idade a crer sem questionar. Da mesma forma as ricas palavras de Yeshua são distorcidas por aqueles que se dizem pastores, profetas e apóstolos, autoridades que estão acima da lógica e do bom censo fazendo com que mesmo os mais pobres queiram ficar sem nada para serem abençoados de alguma forma, esquecendo de que Adonai não precisa de nossos bens para nos agraciar com saúde, paz e felicidade.

Meu alerta não é para deixar de doar, mas sim para que a sobriedade e a sabedoria obtenha o devido lugar em nossas vidas. Existem muitas formas de doar, não somente o dinheiro que alimenta o sistema diabólico do parasitismo do clero, ou de quem diz ser clero, somente Adonai realmente sabe se atrás destas caixinhas de doação existem instituições realmente preocupadas com a restauração de cativos, com o bem estar das viuvas e dos órfãos. Da mesma forma, somente o Eterno sabe se realmente atras daquela fala mansa do líder de sua comunidade evangélica ou da paroquia existem pessoas dignas e capazes de administrarem com retidão os recursos que você pode estar doando com muito sacrifício. Faça um teste, tente trocar sua doação financeira por tempo ou algum serviço, se forem incapaz de receber isso, isso pode ser um sinal de que a motivação por detrás da doação não é nada espiritual e talvez tenha chegado o momento de você analisar se não há outra pessoa ou instituição mais necessitada de sua colaboração.

Quando o dinheiro já se tornou há muito tempo a mola que move uma religião, seita ou fé, o mesmo deixou de ser um autêntico serviço ao Criador e passou a ser serviço às criaturas desprezíveis e manipuladoras de almas em benefício próprio. Creio que a indústria da doação é uma das mais perigosas, ela vicia à quem doa e vicia à quem recebe. Cria o sentimento de que depositar nossos recursos é tudo que podemos devolver ao Criador em gratidão, esta é uma estratégia satânica que visa corrompera todos, inclusive o sistema. Líder e liderado, não se deixem ser levados pela onda da apostasia dos últimos dias, pense nas consequências de seus atos antes que seja tarde demais.

Desde Sião,

Miguel Nicolaevsky, Israel

1 responder
  1. Lindomar Lima
    Lindomar Lima says:

    todos nós somos conscientes que tem os pilantras da fé, pedindo e enriquecendo a custa da boa fé dos outros, porém tem pessoas com o propósito de divulgar o evangelho de Cristo e isso precisa de recursos financeiros para custear hospedagem , alimentação e assistência jurídica dos pregadores e palestrantes . Deus não vende bençãos, curas, libertação e etc. porem ele é Senhor de todo o universo e

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *