Por causa de palestinos, Israel fechará passagem de mercadorias para Gaza

Top Banner eTeacher

Mercadorias para Gaza - A Forças de Defesa de Israel declararam neste final de sábado que não abrirá a passagem Kerem Shalom na fronteira sul da Faixa de Gaza para transporte de mercadorias entre Israel e a Faixa de Gaza.

A decisão, rara em sua natureza, foi transmitida aos palestinos na noite passada pelo Coordenador de Atividades Governamentais nos Territórios, o Major-General Yoav Mordechai.

Por causa da decisão, a passagem de produtos não serão permitida através do Kerem Shalom neste Domingo. Todos os dias, atravessam centenas de caminhões, incluindo produtos essenciais destinados à Faixa de Gaza.

Israel tem muito cuidado em manter a atividade na passagem de Kerem Shalom - o principal canal de abastecimento da Faixa de Gaza - para permitir uma vida normal na Faixa de Gaza.

O posto de passagem foi fechado por razões de segurança apenas em casos excepcionais, e mesmo durante disparos de mísseis e protestos violentos nas últimas semanas, ele ficou aberto quase que diariamente.

Deve-se notar que apenas a duas semanas atrás o cruzamento foi fechado devido aos disparos de mísseis contra Israel. Na semana passada, inclusive no final da semana, houve confrontos entre centenas de palestinos e as Forças de Defesa de Israel, bem próximo da cerca de segurança, e o medo de que alguns palestinos do lado de Gaza da cerca fossem agentes do Hamas, e que estivessem armados.

Israel já transmitiu uma mensagem à população de Gaza de que o encorajamento de confrontos pelo Hamas apenas prejudica os civis de Gaza.

Nas últimas semanas, asForças de Defesa de Israel também neutralizaram três dos túneis que foram escavados para o território israelense, um dos quais pertencia à Jihad Islâmica (e 13 palestinos morreram nos incidentes), e os outros dois túneis, aparentemente pertencem ao Hamas. O motivo pelo qual Israel está fechando as passagens de mercadorias para Gaza são o terrorismo palestino que não cessa. Eles abusam disparando mísseis contra os vilarejos judaicos e construindo túneis do terrorismo todos os dias. Mas esta farra vai acabar.

Israel planeja completar o projeto de defesa contra túneis no final de 2018, ele inclui a construção de uma parede subterrânea que evite a escavação de túneis e que integrará componentes tecnológicos avançados. O custo do projeto é de 3 bilhões de dólares.

Banner Camisetas Cafetorah
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *