Palestinos optam novamente para o terrorismo ao invés do diálogo

Top Banner eTeacher

Mais uma vez a liderança palestina nem se quer amenizou o discurso e o resultado já é sentido nas ruas, milhares de árabes estão em Jerusalém oriental fazendo aquilo que eles sabem melhor, reclamando e agindo com violência. Este povo, na situação atual, sem o verdadeiro temor de Adonai é simplesmente imprestável.

Os atos de violência em Jerusalém já começaram.... centenas de árabes estão protestando com bandeiras de "Palestina". Seria muito bom se a Polícia ou o Exército de Israel os expulsasse para um país que não existe. Felizmente as Forças de Defesa de Israel estão de prontidão desde antes do fim de semana, e esta violência não levará a nada, a não ser a mais baixas do lado palestino.

Os atos de violência começaram sob o respaldo da Autoridade Palestina, o Hamas, a Jordânia, o Egito, a Turquia e muitos outros países que estão incentivando a violência contra os judeus e principalmente contra o Povo de Israel. Mais uma vez, como em toda a história moderna, mais cedo ou mais tarde esta onda de violência vai passar, caso contrário, por falta de trabalho, eles não terão nem o que comer.

Infelizmente a liderança palestina até agora foi repleta somente de homens covardes que não tem a coragem de falar a verdade para o seu povo. Jerusalém nunca foi uma capital árabe e nuca será. Os judeus são os verdadeiros donos da Terra de Israel. Eles preferem aumentar a incitação ao terrorismo, o ódio desenfreado, incitá-los a sacrificar suas vidas do que ensiná-los a viver em harmonia e paz. Porém, não conheço nenhum líder palestino que foi capaz de enviar como suicida seu próprio filho ou filha, ele sempre manda o dos outros. E muito menos, ainda não ví um líder palestinos que cometeu suicídio em prol de seu povo, são um bando de covardes.

Um líder palestino corajoso estenderia a mão para o Povo e o Estado de Israel e faria um acordo de paz a qualquer custo para poupar as vidas de seus cidadãos e trazer prosperidade para o seu povo. Um povo que opta pela violência ao invés da PAZ jamais terá uma nação, um estado. O povo de Israel prevalecerá pois sempre esteve disposto a estender a mão e a negociar.

eTeacher Banner Central
4 respostas
  1. CLAUDIA BENITEZ
    CLAUDIA BENITEZ says:

    O MAL NÃO VENCE O BEM !! ESTE POVO ISRAELITAS SÃO O POVO DE DEUS NÃO IMPORTA QUEM OU QUANTOS SE LEVANTAR CONTRA ELES , ELES VENCE SEMPRE POIS A FORÇA NÃO VEM DESTE POVO MAS SIM DE JEOVÁ….

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *