Polícia de Israel prendeu Mufti de Jerusalém

Conforme aviamos alertado em uma matéria anterior, o atentado no Monte do Templo realmente já está trazendo consequências das mais inesperadas na região. Os mesmo de comunicação em Israel acabaram de relatar que a Polícia do Estado de Israel prendeu nada menos que Muhammad Ahmad Hussein, o Mufit de Jerusalém, a autoridade islâmica máxima no país, ele e seu antecessor no elevado cargo em Jerusalém, autoridade esta que é designada pelo governo da Jordânia.

Conforme os relatos a prisão é inicialmente para investigação sob acusação de incitação da população de muçulmanos do país em praticar atentados e atos de violência em geral contra o Povo de Israel, as Forças de Defesa do Estado de Israel e o Governo do país.

Muhammad Ahmad Hussein, o Mufit, já havia publicamente declarado-se a favor da luta armada palestina no passado, e aprovado atentados de suicidas contra o Povo de Israel.

Nos últimos anos diversas leis anti-terrorismo e incitação da população foram aprovadas pelo parlamento do país, dando mais força a justiça e a polícia para processar pessoas por tais crimes. Acredito que isto é somente uma gota na enchente que está por vir por causa do incidente grave ocorrido no Monte do Templo, o sangue dos inocentes não será desprezado.

3 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *